segunda-feira, março 19, 2007

E por que não eu?

Nós às vezes nem nos apercebemos como um convite pode mudar o rumo à nossa vida. Comigo foi assim. Em Dezembro passado recebi um convite para participar no Encontro Geral dos Missionários Combonianos. Na altura fiquei um pouco apreensiva. Devo ir? Mas, ao mesmo tempo, Deus dizia-me: “Aproveita esta oportunidade que te dou! Vai! Estou contigo!”. Decidi aceitar o Seu desafio. Levei uma amiga e lá fui.


Mal sabia eu que naquele dia Deus me ia mostrar e dar aquilo de que tanto precisava: a Sua Paz, o Seu Amor, a Sua União num grupo de jovens (dos 15 aos 30) que, como dizem (aliás, agora dizemos) são jovens, cristãos e missionários. Na altura andava triste, a sentir falta de um rumo. Sabia que o Caminho era Jesus, mas o que Ele me tinha dado até aí já não chegava. Precisava de mais. Precisava de viver e crescer muito na Fé e na Missão para espalhar a Boa Nova e para amar a Deus e ao próximo. Graças ao Pai, encontrei esse rumo no Fé e Missão, o grupo de Jovens dos Missionários Combonianos. Um grupo onde se respira Deus e o Seu Amor na oração, na Palavra e na acção missionária.

Ainda estou no início da caminhada, ainda tenho de aprender muito, mas sei que encontrei o rumo. A mensagem que deixo é esta: não desanimem, se se questionam do rumo que estão a levar, se calhar é por que o Pai tem algo mais adequado para vocês. É a altura de Lhe perguntar o que pretende de nós, de O ouvir e de dar o salto. Foi isso que fiz quando fui para os combonianos. Mas, não se esqueçam de uma coisa que é muito importante: não ponham para trás das costas o que vos foi dado até aí. Tudo o que sabem sobre Deus, tudo o que sabem sobre a Sua Palavra, tudo o que viveram foi dado por Ele. Se, nalguma altura, Ele nos pede para mudar de direcção na nossa caminhada espiritual, é por que Sabe que é o melhor para nós. Mais importante que isso: é por que sabe que é lá que somos precisos para ser a Sua Boca, as Suas Mãos e os Seus Pés.

Este mês vai haver outro Encontro Geral de Jovens nos Missionários Combonianos. Se quiseres ir, basta teres entre 15 e 30 anos, levares boa disposição e um coração aberto para receberes Deus. O encontro é no dia 24 de Março em Coimbra e Vila Nova de Famalicão e dia 30 de Março em Santarém. Se quiseres saber mais coisas, basta ires a

Podes também contactar-me através de mail.

Pode ser o teu rumo. Quem sabe? Mas, seja os combonianos ou não, o importante é não cruzares os braços. Reza, pede a Deus para Te dizer onde é que és preciso. Mesmo sendo difícil, espera com paciência, faz silêncio e escuta-O. E nunca te esqueças que Ele prometeu estar contigo até ao fim dos tempos e … AMA-TE MUITO! Não quer saber do teu passado. Simplesmente AMA-TE e quer-te dar a mão para que a vida tenha outro sabor.

7 comentários:

s.p. disse...

engraçado...sabes eu sinto uma certa ligação com os combonianos...na minha adolescência foram eles que de alguma forma me chamaram á atenção...na minha pequena terra há dois missionários combonianos e um deles cativava o pessoal pela maneira de ser, ainda hoje...depois a vida seguiu por outros caminhos, mas o engraçado é que a meta é a mesma...força...carry on...

Daniel disse...

quem sabe se entre aqules que leram este post, estará aquele a quem Deus vai usar para ajudar aquelas pessoas?

agradeço a vossas visitas feitas (e que venham a fazer) ao danielaurelio.blogspot.com

Doce Deleite disse...

Maria, fico feliz por você ter ouvido e respondido ao chamado de Deus através desse grupo de Jovens Missionários, porque Deus não escolhe os capacitados, mas capacita os escolhidos.

Saiba que eu tenho uma grande admiração por você, pela sua garra, seus desprendimento e seu carinho.
Cada vez que eu vejo um comentário seu no meu blog me sinto muito feliz porque além de carinho ele vem carregado de muita sabedoria.

Eu, infelizmente, ainda não estou melhor. Contrai um doença muito conhecida pelas bandas de cá, não sei se vocês conhecem, que é a DENGUE. Doença, esta, que nos deixa muito debilitados, pois mexe com nossas defesas e baixa a nossa imunidade, portanto todo cuidado e repouso faz-se necessários.

Um grande abraço dessa amiga virtual que aprendeu a te querer bem.
Laura

Doce Deleite disse...

Maria João, mais uma vez obrigada pela força e pelo carinho. Ontem à tarde fui ao médico saber do resultado do exame de sangue, mas graças à Deus não foi DENGUE, foi um virose muito forte associada ao uma infecção intestinal causada por alimentação, mas já fui medicada e continuo de repouso.
Um grande abraço e que Deus te abençoe sempre,

Laura

Ver para crer disse...

É! Deus chama de muitos modos. Ele só quer o nosso bem.
Ainda bem que já descobriste isso.

Lia disse...

Olá Maria João.
É a primeira vez que visito o teu blog e fiquei impressionada com a forma como encaras a "tua estrada" e caminhada de vida.
Eu também gostava de fazer voluntariado e ajudar os outros, e faço-o aos meus próximos, mas para o que referes, haverá lugar para deficientes auditivos?
Desejo-te mta força. Um abraço. Lia

Maria João disse...

Olá, Lia!

Não há problema nenhum. Podes ir. Para combinarmos melhor as coisas, envia-me o teu mail. O meu é mariajoaogracia@hotmail.com.

beijos em Cristo

Maria João