sexta-feira, janeiro 29, 2010

Ajudas Cristo a curar-te?


Muitas vezes queixamo-nos que Cristo não nos cura das doenças (vícios, pecados, manias, até certas doenças físicas e psicológicas, etc.). E perguntamos:”Onde estás, Jesus?”. Às vezes até protestamos e pomos em causa a nossa fé. Mas, olhemos, para este exemplo do homem da mão paralisada.

“Dali, dirigiu-se à sinagoga e entrou. 10Encontrava-se lá um homem que tinha uma das mãos paralisada, e eles fizeram-lhe esta pergunta, a fim de o poderem acusar: «Será permitido curar, ao sábado?» 11*Mas Ele perguntou-lhes: «Qual de vós, se tiver uma ovelha e ela cair ao sábado num fosso, não a vai agarrar e tirar de lá? 12Ora, um homem não vale muito mais que uma ovelha? Por isso, é permitido praticar o bem, ao sábado.» 13Então, disse ao homem: «Estende a tua mão.» Ele estendeu-a, e a mão tornou-se sã como a outra.” Mt 12, 9-13

Meditemos nesta passagem:
- Antes de mais, crês em Cristo Vivo? Crês que Ele te pode curar? Atenção: a cura não é um clique mágico. Há uns tempos li uma história de um irmão, paralisado, que dizia ter sido curado por Cristo. Quando as pessoas lhe perguntavam:”Mas, como assim? Estás na cadeira de rodas!” E ele respondeu:”Curou-me, porque a minha doença principal era não aceitar o sofrimento, não ser feliz, não ver as possibilidades que tenho mesmo estando em cadeira de rodas, não ver que Cristo me ama muito …!”

- A cura do homem da Bíblia aconteceu por amor e misericórdia de Cristo, mas também serviu como exemplo para quem tinha o “coração duro” e preferia a lei sem amor, mesmo perante um irmão que sofria. Será que a nossa cura não tem de ser um sinal ou uma lição para alguém?

- Reparem que o homem se levanta antes da cura. Ele teve de dar um passo. Já demos o passo para a cura? Irritas-te por tudo e por nada e não consegues largar esse vício, apesar das orações. Mas já te levantaste, ou seja, já fizeste algo em concreto para não te irritares tanto, como por exemplo pensar na imagem de Cristo quando te irritas? Deus caminha connosco. Há situações que só dependem Dele, mas na maioria dos casos Ele quer caminhar connosco, quer que participemos na Sua obra de salvação.

- O homem estava na sinagoga, ou seja, Ele louvava a Deus. Continuas a louvar a Deus, apesar do sofrimento? Vais ter com Ele em oração? Reconheces que Ele está contigo?

- Reparem que Cristo não curou logo este homem. Ele teve de esperar e levantado. Entreguemos o que nos atormenta para a conversão dos pecadores, como nos ensinam os pastorinhos! Esperemos, nem que seja anos, pela cura. Seja ela qual for. Não te esqueças de que a principal cura é a da falta de amor, é a dos pecados. Olha para o exemplo do rapaz paralisado!

- E depois de se levantar, o homem ainda teve de esticar a mão. Ele participou na cura e assim lhe deu mais valor. E assim conseguiu descobrir um Deus próximo, não castigador. Há melhor prenda do que um encontro pessoal com quem mais nos ama?

Oração:
Jesus entregamos-Te aos pés da Tua cruz o que nos atormenta. Sabes que somos frágeis e que deixamos facilmente diminuir a nossa fé. Cura-nos! Cura-nos, principalmente, dos nossos pecados, porque eles é que nos tornam doentes. Como dizia o rapaz paralítico, Ele foi curado ao perceber que O amavas e que, apesar do problema, Querias que Ele Te ajudasse a espalhar a Boa-Nova do Amor. E, claro, se achares que é melhor curar-nos também fisicamente, fá-Lo. Mas que essa cura física não seja o início de Te abandonarmos. Mãezinha entrega esta oração a Jesus. Ámen.

7 comentários:

LUAR DE SOL disse...

Olha minha amiga: Há dias em que escolhemos melhor as palavras, para qualificarmos, aquilo que vemos, lemos ou até sentimos; mas também os há, que pela sua intencidade de conteudo, nós não conseguimos sequer um murmúrio. Foi o que me aconteceu depois de ter lido este teu AJUDAS CRISTO A CURAR-TE?. Tem que se ter muita fé, fara se dizer e sentir o que escreveste. Obrigado pela liçao gratuita que dás ao mundo, e a mim proprio.
Beijo em Cristo e Maria

Dulce disse...

Todos nós temos acesso a ler estes testemunhos porque eles estão no livro sagrado"a Bíblia". Mas quantos o abrem? E ainda que o abram, quntos debruçam os seus olhos verdadeiramente nas palavras e mergulham nelas?
O que li aqui foi isso mesmo:um mergulho em Cristo. Um mergulho profundo que me fez mergulhar também.
que Deus nos livre a todos dos males da alma e nos cure, pois só assim abriremos o coração à "Palavra" conforme tu fizeste.
Obrigado e deixo um abraço em Cristo e Maria

silvino disse...

creio senhor, mas aumenta a minha fé ..se quiseres senhor, pode curar-me :) tantas pistas q só nao ve quem nao quer ver :)

malu disse...

excelente post Maria João e ao qual nada há a acrescentar. Ele dá-nos todas as pistas e a chave é a mesma, mas é muito bom que nos lembres, apontes, dês a ler e tão bem que o sabes fazer.

Bjs., obrigada!

Marlene Maravilha disse...

Devo dizer-te que amei este post, e que estou em plena comunhao com este Deus maravilhoso e sei bem o que é ser curada físicamente na vida. E também entendo as outras curas a que te referes. Trabalho com pessoas nesta área e Deus tem me dado muitas experiencias.
Aproveito para fazer a oracao contigo! Deus te abencoe e um excelente final de semana!

busquesantidade disse...

Tudo muito verdadeiro isto, inclusive a oração é muito bela. Parabéns! Mas estou aprendendo com o sofrimento. Ofereço-os todos pela minha santificação, pela santificação da humanidade e dos sacerdotes, assim meus sofrimentos e lágrimas não ficam em vão. Isto me dá um sentido lindo de santidade ao sofrimento. Não sofro em vão. É fácil? Claro que não, mas é possível, pois se é possível a mim é possível a qualquer um, não é mesmo? Abraço fraterno. Lourdes Dias.

Ricardo disse...

Olá, hoje precisava mesmo de "ouvir" isto... Fez-me bem e era para mim...
Obrigado, Ricardo