terça-feira, maio 19, 2009

Tanto e tão pouco ....

Se há coisa qe tenho aprendido na missão é que há coisas que não podemos mesmo fazer. Não se trata de não querer fazer, mas de não deixarem fazer. Já passei por várias situações assim. E agora voltei a passar por outra.

A Maria (vamos dar-lhe este nome) tem 10 anos. Tem problemas de aprendizagem e já sofreu mais do que muitos adultos. O pai nunca o viu e a mãe tem problemas mentais. Dor, pancada, ameaças de morte, solidão, frio (nunca esqueço as mãos gélidas) ... São palavras que trata por tu. Quando a conheci tinha os sinais típicos de quem quer ser amado, mas tem medo da reacção de quem lhe quer dar esse amor. Os tiques nervosos, a necessidade de fazer bem as coisas, um certo distanciamento... Deu-me vontade de chorar... Aqueles sintomas lembravam-me outro caso, muito muito menos grave, mas com reacções físicas e psicológicas semelhantes ...

Não foi fácil ganhar confiança. Mas, agora confia em mim e já me diz alguma coisa. Este fim-de-semana disse, com lágrimas que tentava esconder, que nunca conheceu o pai e que a mãe lhe bate com o cinto. Foi assim. Não perguntei nada, estávamos a falar de outras coisas, mas ela precisou deitar um milímetro do seu sofrimento cá para fora ... Sim, eu sei que a situação é muito mais grave.

O caso já está nas autoridades competentes. Mas, é a tal faca de dois gumes: se se tira a criança à mãe, esta piora do estado mental e a criança é institucionalizada, mas se fica com a mãe, sofre e recebe maus-tratos e ameaças...

E, no meio das autoridades, sinto-me como o Cireneu que não podia tirar a cruz a Cristo. Pois é, mas posso dar-lhe um bocadinho de alívio por confiar em mim e sentir o meu apoio e o meu carinho.

Chega? Não. Mas, é assim. Muitas vezes não nos deixam fazer mais do que isto. Peço muita oração.

Oração:

Jesus e Maria, obrigado por segurarem nos braços esta criança e todos os que estão à sua volta, como a mãe. Iluminem esta situação. Espírito Santo, para a maior glória do Pai, dá a paz e a luz necessária a este caso que só pode andar para a frente e resolver-se com a Tua luz. Amén.

11 comentários:

Ecclesiae Dei disse...

Senhor, peço-te por essa criança, por essa mãe, por essa situação que a nós parece que não tem solução, mas para Ti, Senhor, todos os problemas têm solução. Toma conta, Senhor e abençoa.
Senhor, peço-Te também pela Maria João e esse coração de ouro que deste a ela.Abençoa, Senhor essa tua filha e que ela continue assim, tão doce, tão Sua! Suscita também outros corações assim, para tomar conta de seus filhos que sofrem, e que precisam de um pouco de Seu amor! amém!

Pena disse...

Como Professor que sou, tenho imensos casos assim.
Elogio o seu altruísmo, solidariedade e ajuda de pronto.
Ganhar a confiança de um Ser sofredor e mal amado pelo mundo são coisas que sempre entraram nos meus "manuais" de Cidadania, civismo, direitos humanos e, mesmo, humanismo.
Um caso arrepiante de insensibilidade do mundo. Da vida.
Excelente e linda atitudes, amiga.
OBRIGADO por tê-la como amiga, uma amiga GIGANTE!
Beijinhos de um respeito e estima imensos.
Sempre a admirá-la
O amigo sincero:

Pena

Bem-Haja, pelo ser humano precioso que é.

Canela disse...

Ai minha querida...

custa-me tanto... tudo!

Que Deus N. Senhor te ilumine, e, que guie todos quantos decidem sobre o futuro desta menina.

Há tantas crianças em sofrimento... demais, por sinal.

Rezarei por esta tua intenção.

Bjs

Fa menor disse...

Ai, amiga,
já me senti um pouco assim... impotente, mas com um caso de toxicodependência...
Há nós impossíveis de desatar.

Só Deus e a força que dEle nos vem!

Beijos

Anónimo disse...

Maria Joao,como deve estar feliz em puder ajudar essa menina.
No ultimo Natal tive a oportunidade de trazer 2 crianças pra minha casa eles estão separados dos pais,estão numa instituição,pra mim foi dos melhores natais que já tive,tiveram ca dois dias conheceram toda a minha familia,onde há tambem muitas crianças.Tambem deu pra ver que para eles tinha sido bom.Voltaram mais tarde quando um deles fez anos,mais um fim de semana em grande,pra eles e pra toda a familia,que somos (15)só o facto de lhe dar-mos,carinho,atenção,coisa que pra eles é novidade,já nos faz sentir bem.Não é de "prendas" que eles tem falta.Aqui é o dar algo de nós,e isso tds temos pra dar se quizer-mos.O pior aconteceu quando o mais novo fez anos e eu pedi para os levar a jantar comigo.E me dizem que não,porque as saidas nao tinham sido positivas,eu quase me deu uma coisinha má,mas depois de começar a chorar na frente das SRA.DRS.perguntei-lhe,desde quando dar carinho,atenção não era positivo? Claro que elas viram com tds as burocracias,e mais algumas que eu fiquei com pouca vontade de lá voltar.Eles nem sabem o que se passa,mas que tou cheia de saudades deles estou.Isto é tudo muito resumido que estou aqui a deixar.Só para dizer que eu podia dar de vez em quando um fim de semana diferente a estes meninos e não me deixam.Se a M.J.o pode fazer, ainda bem,pra si e pra menina. Que Jesus,e Maria,nos ajudem,a ter coragem e força pra ajudar a quem de nós presiza.

M@ disse...

Que dor no coração fico com uma terrível angústia ao ver crianças assim.
Mas que mundo!
Jesus devia vir e levar estas crianças todas para junto dele.
Mas não é assim pelo menos por enquanto.
Lindo post.
Manuela

Anónimo disse...

Olá,sou a anonima que ontem escreveu a falar naqueles dois meninos,que são irmãos mas esquecime de dizer que uma das muitas coisas que as SRA.DRAS. me disseram,foi eles estao para adopção,e a unica imagem que tem de uma familia é a sua(minha)caso sejam adptados essa familia pode nada ter a ver com a sua.Eles tem dez e doze anos,estao la ha dois nunca tinham saido,a nao ser pra irem ao medico.Se nao houver quem os adopte,significa que não vão mais sair de lá.Infelizmente,eu não tenho posses para os adptar,mas podia dar-lhe,aquilo que eles tanto precisam,mas não me deixam.Rezemos por eles e por tantos outros que estão na mesma situação.Abraço em Cristo ,e Maria

Ver para crer disse...

Coitadas destas crianças a quem foi dado ter pais que o não sabem ser.

Mari disse...

Amiga!
Boa sorte sempre em sua linda caminhada.
Beijos com saudades!

Marlene Maravilha disse...

Uno-me a ti nesta oracao por esta crianca sofredora. Deus ouvirá nossas oracoes intercessórias!
Que continues cada dia com mais forca para continuar esta batalha!
beijo grande e feliz domingo!

Anita disse...

Hoje é segunda-feira!
Vejam como rápido passou o fim de semana e mais uma semana começa!
È incrível como o tempo foge...
Quão sábios precisamos de ser para o aproveitar bem!...

Por isso amiga desejo-te um começo de semana cheio de vitórias e bençãos.
Beijinhos.
Fica bem. Fica com Deus.
Anita (amor fraternal)