domingo, outubro 26, 2008

Eucaristia, a Festa da Vida!

Pensemos na Eucaristia. Será que temos noção do que estamos lá a fazer? Não esqueçamos que Cristo nos disse: “E, tomando um pão, tendo dado graças, o partiu e lhes deu, dizendo: Isto é o meu corpo oferecido por vós; fazei isto em memória de mim.” (Lucas 22:19) A Eucaristia é o principal mandamento...


Cântico Inicial
Acabámos de entrar na Igreja. Escutamos o cântico de entrada. Neste momento estamos a escutar ou a entrar à pressa, porque preferimos dar atenção a assuntos superficiais, em vez de irmos para a Igreja calmamente, preparando-nos para receber o Corpo e Sangue de Cristo?

Sinal da Santíssima Trindade
Fazemo-lo à pressa ou com a noção de que estamos a chamar Deus, no principal sacramento que Ele nos deu?

Senhor, tende piedade de nós/Cristo, tende piedade de nós/Senhor, tende piedade de nós
Neste momento já devemos ter pensado nos nossos pecados. Em casa, antes de termos ido para a Missa. Será que o fizémos? Temos noção de que estamos a pedir perdão? E agradecemos pelo Seu perdão?

Glória
Estamos a dar glória a Deus Pai! Alegria! Não estou a dizer para saltarem, mas podem pôr uma cara mais alegre! Afinal, estamos a dar glória a Deus Pai ou não?

Leituras
O Pai está a falar. Estamos atentos? Não compreendes o que ouves? Pede ajuda. Não consegues ouvir bem? Leva a Liturgia Diária e lê as leituras em casa. Aliás, todos nós deveríamos ler as leituras em casa e meditar no que Deus Pai nos está a dizer...

Homilia do Padre
Estamos atentos ou não? Estamos com vontade de ouvir o padre ou contamos os segundos para que ele se cale? Goste-se do padre ou não (pessoalmente, entenda-se), Ele está a falar da Palavra de Deus...

Credo
Pensemos lá em cada frase desta oração... Quantas coisas não nos passam despercebidas, não é? Vamos rezar, mas com consciência... O mesmo acontece quando viermos a rezar o Pai-Nosso...

Oração dos Fiéis
Estamos em união com o mundo inteiro e com quem já partiu. Temos noção disto?

Ofertório
Não se trata só de dar a moedinha. Mas, de entregarmos todo o nosso ser a Cristo e a Maria. Ah! Podemos também oferecer-Lhe algo muito especial, ou seja, dizer-Lhe: “Como te amo!” Agradecemos por aceitar a nossa oferta?

Liturgia Eucarística
Depois da Liturgia da Palavra (até ao ofertório), aproximamo-nos do ponto alto da cerimónia: a transsubstanciação. Em vez de um pedaço de água com farinha e de vinho, passamos a ter o Corpo e Sangue de Cristo. Preparámo-nos para este momento? Estamos em pecado mortal? Já não nos confessamos há muito tempo?

Anunciamos a Tua morte, proclamamos a Tua Ressureição, vinde Senhor Jesus!
Agradecemos por Ele vir?

Depois de receber o Corpo e Sangue de Cristo
Fazemos silêncio e uma oração ou falamos e ficamos distraídos? Agradecemos por Jesus vir, em Corpo e Sangue, a nós?

A Paz
Estamos a receber a Paz e a dar a Paz de Cristo... lembramo-nos? E quando chegamos lá fora? A Paz continua connosco...

Cordeiro de Deus...
Estamos a pedir piedade a Cristo. Estamos a pedir a Sua Paz, aquela que o mundo não dá. Aquela que nos leva a enfrentar a vida, nos bons e maus momentos...

Quando guardam o Corpo e Sangue de Jesus

Esta altura passa-te ao lado?

No final, recebemos a benção ou saimos a correr? Lembramo-nos que saímos para sermos o Rosto de Cristo também lá fora? Ou saímos e começamos logo a falar mal do padre, da roupa de quem lá estava...

Tenhamos também atenção a tudo o que padre vai dizendo. Quando dizemos “Amén”, convém ter noção da oração que é feita e à qual damos o nosso “Assim seja” (o Amén).
Enfim, estamos sempre a aprender... peçamos ajuda ao Espírito Santo, para que nos ilumine e nos dê forças para ver que a Eucaristia é um sacramento demasiado belo, que nos liberta e cura. Não é uma obrigação.

Não estamos na missa, mas concelebramos a missa. Estamos todos juntos a louvar a Deus Pai e a cumprir o pedido que Jesus nos deixou: “Fazei isto em memória de Mim”. E fazemo-Lo todos juntos, em união, como Jesus nos pede.

PS: Neste link (http://grandecruzada.leiame.net/?Os_livros) podem ler um livro sobre a Eucaristia. Trata-se de revelações feitas por Cristo. Tem a aceitação do Santo Padre.

7 comentários:

Kenosis disse...

Querida irmãzinha, maravilha o seu texto! Sim, como é importante que se entenda o Santo Sacrifício, tanto quanto é possível às nossas mentes analíticas. Com o conhecimento sim, que ajuda à fé. Mas com a fé também que abre os caminhos para Deus Amor nos transformar em amor.Que o Doce Santo Espírito nos ilumine a alma, o coração e a fé! Beijos carinhosos!

Mariana disse...

Querida,
Muito obrigada pela visita!
Que a fé ilumine seus caminhos sempre!
Abraço em Cristo e Maria

Mariana disse...

Querida,
Muito obrigada pela visita!
Que a fé ilumine seus caminhos sempre!
Abraço em Cristo e Maria

Ecclesiae Dei disse...

Sempre muito profunda, Maria João!
Parabéns pelo post!

Dani disse...

Nossa, sem palavras! Disse tudo!
O interessante é que todos sabemos disso, mas, sempre precisamos lembrar do zelo pela Sagrada Liturgia!
Um beijo, Maria João!

Kenosis disse...

Somente pra deixar um beijo em Jesus e Maria! Saudades, irmãzinha!

Fa menor disse...

A Eucaristia é a festa da vida, como bem referes!
Celebrar a vida, dom amável de Deus, receber o alimento, o próprio Deus incarnado que veio até nós, deveria motivar-nos a viver a Eucaristia com todo o respeito e noção perfeita do acto que tantas vezes já fazemos mecanicamente!

Abraço de amizade