sexta-feira, fevereiro 11, 2011

Deus está nas pequenas coisas e … no Metro!

Era hora de ponta. O Metro estava cheio e, como é habitual, a maioria das pessoas tem um ar cansado, pesaroso, próprio de quem trabalhou durante várias horas e tem de ir para casa trabalhar ainda mais. Cada uma daquelas pessoas tem um a história de vida, muito própria. E se há vidas bem difíceis …

No meio da correria e de tentar chegar depressa ao autocarro, um senhor toca, sem se aperceber (garanto-vos), com a mochila numa pessoa. Essa pessoa reage de imediato e começa a chamar nomes ao senhor, dizendo que o que ele merecia era um bom empurrão.

A cena pode parecer banal e normal. Aos olhos da sociedade em que vivemos, assim o é de facto. Mas e aos olhos de Deus? Como cristão, o que achas que Jesus faria naquele momento?

De certeza que olharia a pessoa com mais calma e perceberia que não reparou no que havia acontecido. Pensaria que foi só um toque, sem maldade, de um irmão cansado e com pressa para apanhar outro meio de transporte.

Deus está nas pequenas coisas. O senhor não se apercebeu de nada, mas Jesus viu tudo. Se somos mesmo seus amigos, não queremos que Ele se sinta mal com estas atitudes. Se O amamos de verdade, temos de olhar o mundo com os Seus olhos. Naquele momento, quem refilou só conseguiu duas coisas: enervar-se e perder a oportunidade de orar por aquela pessoa.

Não é fácil, mas vamos pedir a Jesus a graça de nos tirar as escamas dos olhos, para vermos melhor o nosso irmão e para perdoarmos como dizemos no Pai-Nosso, que rezamos, muitas vezes, a correr.

«Perdoai as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido …»

Oração:
Jesus, dá-nos a paz e a serenidade do Teu coração e do Teu olhar. Ajuda-nos a perdoar em todas as situações. Ajuda-nos a ver-Te nos outros, em qualquer circunstância, pois Tu também estás nestes momentos mais banais da nossa vida. Nestes momentos em que, em vez de refilarmos, podemos orar, ajudando o irmão e aumentando o nosso Amor por Ti. Na certeza de que nos vais ajudar, agradeço-Te esta graça que já nos estás a dar. Amén.

6 comentários:

joaquim disse...

Belo e verdadeiro Maria João.

Concordo contudo e "enfio a carapuça" porque de vez em quando procedo como aquele que insultou o outro.

Que Deus nos ajude realmente a vermos o Seu Filho nos nossos irmãos.

Um abraço amigo em Cristo

Maria do Carmo disse...

À luz da Palavra deste Domingo dia 13:
"A chamada doutrina das duas vias ou dos dois caminhos, é hoje, como sempre, muito actual porque fala de nós, da nossa vida e das nossas opções concretas. No drama da nossa existência debatemo-nos sempre com esta encruzilhada. Que caminho seguir para chegar à meta? Há um critério fundamental para o discernirmos - é o Amor.

Escolher o caminho da vida significa confiar-me nas mãos do Pai e não nas minha forças, entregar-me à Sua vontade e não deixar que o meu coração se perturbe com o que posso perder ou ganhar. Significa também dar espaço ao outro, acolhê-lo não como um adversário mas como um dom e, partindo desse amor de Deus que a todos quer alcançar, palmilhar com ele o caminho da vida que nos levará ao Pai."

in paroquiadeolivaissul.blogspot.com/


Obrigado Maria João pela partilha tão concreta. Beijinho

LUAR DE SOL disse...

Ha coisas que são essenciais para a vida de um Cristão. Refiro-me atmbem a esta tua partilha, que fazer gratuita, mas com um saber proprio de quem sente realmente as coisas, com saber, que por vemos nos esquecemos de sentir. Obrigado minha amiga.
Msnuel M
Bj

Dani disse...

Que lindo.
Nessa semana no mercado, ao ir para a fila, uma senhora entrou na minha frente, como viu que eu estava chegando, apertou o passo e entrou na minha frente. Fiquei irritada, mas não falei nada. Ela em nenhum momento olhou pra traz, e eu fiquei quieta, pensando na falta de educação. Agora, lendo seu texto, lembrei que deveria perdoa-la, e rezar por ela.
Fazia tempo que não vinha aqui, mas esse cantinho continua abençoado como sempre.

grande beijo

Dani disse...

Que lindo.
Nessa semana no mercado, ao ir para a fila, uma senhora entrou na minha frente, como viu que eu estava chegando, apertou o passo e entrou na minha frente. Fiquei irritada, mas não falei nada. Ela em nenhum momento olhou pra traz, e eu fiquei quieta, pensando na falta de educação. Agora, lendo seu texto, lembrei que deveria perdoa-la, e rezar por ela.
Fazia tempo que não vinha aqui, mas esse cantinho continua abençoado como sempre.

grande beijo

frantyesco disse...

devemos amar somenete e unicamente ao senhor jesus cristo e ao pai senhor deus todo poderoso só ! amor e unico e so cabe ao senhor jesus ñ a santo se não o meu pai eternamente !!!!!!!!!!1 nada de maria nada de santo do pau oco deus e tudo e criou tudo e quem com deus não for com ele ñ é !