quinta-feira, setembro 24, 2009

Conhecer S. Josemaría Escrivá de Balaguer

Nos último tempos (re)descobri um santo que gera sempre muita confusão: S. José Maria Escrivá. Fundador da Opus Dei é sempre alvo de mil e um comentários. Mesmo dentro da Igreja ainda há muita falta de informação sobre este santo. E falo por mim. A primeira vez que contaceti com um padre da Opus Dei foi há uns anos. Estava há pouco tempo no caminho da fé e pensei:"Meu Deus! Que horror! Opus Dei!" Esse padre foi dar uma palestra a um retiro de catequistas. Foi maravilhoso! Uma palestra cheia de conhecimento e de sensibilidade. E aí pensei:"Vou pesquisar. Será que é uma prelatura assim tão negra como dizem?"


Vou deixar-vos com informação sobre este santo que foi (e é) um grande defensor da importância dos leigos na vida da Igreja. Foi um homem que tinha um ministério muito virado para a importância de cada baptizado ser outro Cristo onde quer que estivesse: trabalho, família, escola, faculdade, rua, Igreja, etc. Ao contrário do que se pensa, percorreu os bairros mais pobres e alvo de exclusão social e esteve sempre muito próximo dos estudantes.


Mas - podem dizer -, a Opus Dei é isto e aquilo. Há quem tenha medo de falar com pessoas da Opus Dei! Não sou da Opus Dei. Não penso fazer parte da comunidade, mas isso não me impede de ver:


- Os frutos que este santo deixou para a acção dos leigos;

- Os frutos que este santo deixou para a acção em bairros mais pobres (que ainda hoje continua);

- A importância que deu ao conhecimento para se amar mais a Cristo em cada momento;


Quanto às críticas:

- Ovelhas negras há em todo o lado. Existem na Opus Dei e noutras comunidades (religiosas ou não);

- Fazem isto, fazem aquilo ... Cuidado, porque as excepções não fazem o todo. A defesa dos leigos e dos bairros mais pobres era uma coisa aterradora no tempo de José Maria Escrivá. Já na altura fizeram mil e uma coisas para acabar com a obra. Não, não estou com a mania das cabalas. Qualquer boa obra - religiosa ou não - tem inimigos. Pergunte-se a uma ONG, por exemplo. As dificuldades que enfrentam ...

- Além disso, há muitas ideias feitas que nem sempre correspondem à verdade.


Deixo-vos um desafio. Vamos conhecer melhor este santo e a sua obra, que é de Deus. ;)

8 comentários:

luar de sol disse...

Aceito o desafio, mas não conheço a vida e obra dele.
Contigo aprende-se sempre mais alguma coisa. È bom.
: Manuel Silva

Pena disse...

Preciosa Amiga:
Sempre me fascinaram todos os mistérios que a Fé e a Igreja encerram.
Vou informar-me sobre S. José Maria Escrivá, mas sei o que é a Opus Dei...
É um assunto que me delicia e maravilha.
Dava para escrever imenso.
Aprecio a sua crença em Deus e , no geral, o seu sentido religioso que respeito, mas tenho dúvidas sobre todo o "espírito" defensor Dele pela Igreja e por tudo o que a rodeia.
Fascinante matéria de reflexão!
Sempre a respeitá-la e a estimá-la.
Beijinhos amigos

pena

MUITO OBRIGADO pela sua gigante visita no meu blogue que agradeço.
Bem-Haja, preciosa e extraordinária amiga.
Excelente Post.

Canela disse...

Que bom trazeres-nos este assunto.

Obrigada.

Ailime disse...

Maria João,
St. Josemaria Escrivá de Balaguer vida e obra irrepreensíveis, precursor do Concílio Vaticano II, segundo algumas fontes!
Sobre os membros da Opus Dei, como afirmas e bem: infelizmente em qualquer comunidade seja leiga, religiosa ou outra qualquer há sempre quem não cumpra!
Grata por trazeres este tema e aceito o teu desafio para rever esta "matéria".
Beijinhos e grata pela visita ao meu cantinho.

Maria Lúcia disse...

Sempre ouço muitas críticas, umas a favor e outras contra, ao "Opus Dei" e a S. Josemaría Escrivá de Balaguer.
A sua matéria é muito interessante e vou pesquisar mais a fundo o assunto.
PAZ!

Pena disse...

Excelente Final de Domingo, perfeita e extraordinária amiga.
Um início de semana doce, terno e brilhante.
Beijinhos amigos.
Sempre a admirá-la.

pena

MUITO OBRIGADO pela constante amizade que me deixa maravilhado.
OBRIGADO por ela.

teresa disse...

obrigada pela proposta ,,
fui ver e gostei do que vi , já aprendi mais algumas coisas .

deus a abençoe

M@ disse...

Realmente temos muitas vezes nas nossas mentes que as pessoas que são ligadas a certos grupos são da maneira como dizem que são.
Esquecendo muitas vezes as obras que fazem.
É como aquele provérbio diz-me com que andas e direi quem és.
Concordo contigo amiga.
Fui ver, gostei.
Bom fim de Semana
Manuela